Você já riu tanto a ponto de ter de sair correndo para o banheiro porque o xixi estava escapando?
Foi fazer um exercício mais pesado na academia e sentiu que sua roupa íntima molhou?
Você não está sozinha(o) nessa!

Se isso começar a acontecer com mais frequência, vale a pena ficar de olho. Uma em cada três mulheres tem incontinência urinária, principalmente quando a menopausa chega, e cerca de 5% dos homens que operam a próstata também.
Há diversas maneiras de prevenir e remediar esses tipos de situações. Selecionamos AQUI cinco exercícios para você fazer a qualquer hora do dia ou da noite.
Para você ficar por dentro, explicamos logo abaixo um pouco sobre os principais tipos de incontinência urinária. E, antes de seguir adiante, lembre-se de duas coisas importantes:

1. Para um diagnóstico certeiro, você deve consultar um especialista de sua confiança.
2. A cura é possível na maioria dos casos, por isso quanto antes começar o tratamento, melhor!

São 4 os tipos mais comuns de incontinência urinária:

Incontinência urinária de esforço

Tossir, espirrar, pegar peso, correr, gargalhar… Até uma simples caminhada pode fazer o xixi escapar sem querer. Quando ocorre por esses motivos, ela é chamada de incontinência urinária de esforço, que é o tipo mais comum.
As mulheres são as que mais apresentam esse tipo de incontinência, porque existem algumas circunstâncias específicas do gênero que provocam o enfraquecimento dos músculos do assoalho pélvico, como a gestação e o parto.
Em homens, esse tipo de incontinência pode ocorrer após cirurgia na próstata.

Incontinência urinária por urgência

Sabe aquela vontade repentina de fazer xixi, que parece que você não vai conseguir chegar a tempo ao banheiro? E, na maioria das vezes, você não consegue chegar mesmo? Essa é a incontinência urinária por urgência. Ela geralmente acontece em meio às atividades diárias.
Na maior parte dos casos, ela é causada pela bexiga hiperativa, que é contraída de maneira involuntária.
Os motivos que levam a bexiga a ficar mais ativa do que o normal podem ser vários: desde uma infecção urinária até uma alteração dos nervos que ficam na base da bexiga.

Incontinência urinária mista

É a combinação das incontinências de esforço e por urgência. Ou seja, a pessoa tem vontade de fazer xixi toda hora por causa da hiperatividade da bexiga e também não consegue controlar a saída do xixi.

Viva com mais liberdade e segurança

Compre agora

Incontinência urinária por transbordamento

Toda bexiga tem o seu limite. Quando ela não é esvaziada por um longo período, fica tão cheia que o xixi transborda.
Isso acontece porque o músculo da bexiga fica fraco ou existe alguma outra coisa impedindo a saída do xixi, como a obstrução por aumento da próstata.
A incontinência urinária por transbordamento é mais comum nos homens porque pode ser causada pelo aumento do tamanho da próstata. Mas também pode estar relacionada com a fraqueza do músculo da bexiga e, nesse caso, atingir também as mulheres.

(Fontes: Especial Incontinência Urinária, Editora Moreira Jr.; Associação Brasileira de Fisioterapia Pélvica).